Candidatos à incubação no Parque Tecnológico de Maricá enfrentam mais uma peneira

Etapa de validação de propostas vai selecionar cinco ideias e soluções inovadoras entre as 27 que ainda estão na corrida

A seleção de ideias e negócios inovadores para incubação no Parque Tecnológico de Maricá deu mais um passo nesta terça-feira (24/10). Os representantes das 27 escolhidas (de um universo de 148 apresentadas) ouviram como devem fazer a apresentação de validação de seus negócios a uma banca de especialistas. No fim, apenas cinco serão selecionados para o trabalho de apoio completo. O Parque Tecnológico é uma iniciativa da Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar).

Pedro Mota (de azul), diretor da Codemar, falou sobre o papel da inovação. Foto: Leonardo Fonseca

“Os talentos, eles existem. O papel do poder público é gerar os meios para que eles apareçam, para que possam transformar o que é ideia em realidade. Uma realidade que alcance a sociedade e os meios produtivos. Que sejam um diferencial para a cidade”, disse Pedro Mota di Filippo, diretor de Indústria e Energia da Codemar.

Incubação

Os selecionados terão apoio do Parque Tecnológico com a formatação de negócios e acesso a redes de parceiros, fornecedores e possíveis clientes, além de aporte financeiro de acordo com cada necessidade. Durante a reunião, os candidatos puderam tirar dúvidas e ver o passo a passo de como vender corretamente suas ideias de negócios. Agora eles têm até o dia 6/11 para enviar as apresentações.

Alexandre Costa auxilia os candidatos no caminho à incubação. Foto: Leonardo Fonseca

“É preciso deixar a proposta bem definida, com apresentação sucinta e esclarecer todos os aspectos necessários, inclusive de como se monetiza o negócio”, explicou Alexandre Costa, coordenador de Empreendedorismo e Inovação do Parque Tecnológico.

Geisy Vital tem um projeto que envolve catadores de recicláveis. Foto: Leonardo Fonseca

Para Geisy Vital, que inscreveu um projeto, este é o momento de garantir o destaque da sua ideia:

“Eu estou propondo uma solução de sustentabilidade nos moldes de uma cooperativa com o diferencial de dar o protagonismo aos próprios catadores. Há mais de 20 anos a cidade não tem um projeto real de coleta e reciclagem”, avaliou a candidata.

São 27 os projetos que estão nesta fase da seleção. Foto: Leonardo Fonseca

Programas

Notícias

Após treinos em Maricá, Brasil vence Sul-Centro e conquista vaga no Mundial

A seleção brasileira de handebol de praia conquistou o título com os times masculino e feminino do Sul-Centro Americano, no Paraguai, neste sábado. A...

Estande da Codemar atrai público interessado em Economia Criativa, Sustentabilidade e outros assuntos, no...

Além dos painéis, óculos de realidade virtual com projetos da companhia e Programa Lagoa Viva chamaram a atenção de quem visitou o evento   Painéis...

Painéis sobre Fundo de Investimento Imobiliário e o impacto econômico da cadeia solidária atraem...

Projeto Lagoa Viva também mostra evolução na revitalização das lagoas e canais da cidade com participação de seus pesquisadores Novas oportunidades para investidores em Maricá...