Codemar dá destaque às tecnologias e políticas públicas inclusivas no último dia da Feira das Profissões

Aplicativos que serão lançados neste ano foram apresentados para o público

A tecnologia e suas possibilidades foi um dos temas mais abordados na Feira das Profissões deste ano. No último dia da programação, a Codemar (Companhia de Desenvolvimento de Maricá) apresentou painéis sobre políticas públicas com o foco na criação de aplicativos e inovações inclusivas voltadas para mulheres.

Para o superintendente de Desenvolvimento Tecnológico da Codemar, Danilo Pitarello, foi pertinente a discussão da relação entre desenvolvimento, tecnologia e trabalho. Isso inclui a forma como as novas tecnologias estão afetando o mundo do trabalho e como o desenvolvimento técnico da Codemar pode ser usada para dar mais dinamismo à economia.

“A gente discutiu desde a implantação do parque ecológico de Maricá até os projetos da
economia verde e economia solidária. A gente encerra essa sequência de painéis com o tema tecnologia e políticas públicas, onde a gente mostra como irão funcionar os aplicativos que estamos desenvolvendo e como essas novas tecnologias de comércio, tecnologias financeiras podem ser aplicadas em políticas públicas para fomentar a economia de empregos e criar renda para o maricaense”, explicou.

A feira com foco na geração de trabalho e novas profissões encaminhou 300 pessoas para entrevistas em empresas, além de 31 entrevistas no local e 16 contratações imediatas no próprio evento. O evento com edição pela primeira vez no distrito de Itaipuaçu reuniu grande público durante todos os dias. Foram cerca de 4 mil pessoas que visitaram o espaço, circulando pelos stands e participando dos painéis especiais por dia.

Mumbucar e Mumbuca Shopping

Foto: Leonardo Fonseca

Dois projetos que prometem trabalhar ainda mais as políticas públicas através de aplicativos de mobilidade urbana e marketplace, o Mumbucar e o Mumbuca Shopping foram apresentados para opúblico, que teve a chance de tirar dúvidas. O painel “Tecnologia e políticas públicas: mosaico de aplicativos” contou com a participação do secretário de Transportes de Maricá, Douglas Paiva; do subsecretário de Desenvolvimento Econômico, Magnun Amado; do vereador de Maricá Marcus Bambam, além dos representantes das empresas parceiras no desenvolvimento dos aplicativos.

O subsecretário de Desenvolvimento Econômico, Magnun Amado, observou ainda a importância da formalização enquanto empreendedor local para que o poder público possa auxiliar a todos na construção de uma economia formal e mais justa, que garanta direitos diante da precarização no mercado de trabalho.

“Grande parte da população de Maricá, principalmente devido aos programas do município de transferência de renda, tem a sua capacidade de consumo ampliada, o que fez com que Maricá em 2020 fosse a cidade que mais gerou emprego no Estado do Rio de Janeiro. Grande parte dessa população talvez não tenha acesso à oportunidade de comprar virtualmente se não tivermos a ferramenta de venda através da moeda social e a, partir deste entendimento, propomos à Codemar e à Secretaria de Trabalho essas condições dos aplicativos”, comentou o secretário Magnun Amado.

Inclusão e rede de apoio para mulheres

O painel “Trabalho, diversidade e inclusão” abordou o tema ‘Políticas inclusivas para o mercado de tecnologia e Inovação” e como as “Redes de empreendedorismo em apoio a mulheres” fazem a diferença no processo. A programação contou com a participação da Consultora de Tecnologia da Codemar, Ana Virgínia Medeiros; a advogada Helena Piragibe; a idealizadora do Grupo Colmeia, Thaísa Muniz; e a conselheira de Economia Solidária da Prefeitura de Niterói, Carla Tavares.

Foto: Leonardo Fonseca

“Abordagem a igualdade de gênero nas organizações e empresas, porque a gente entende que o mundo inteiro vem trabalhando essa conscientização, e para além disso é importante que seja de forma orgânica”, destacou a consultora Ana Virgínia, que também lembrou a importância da abordagem da representatividade feminina na política e em organização.

Ela falou também sobre a importância da rede de apoio ao empreendedorismo. Na cidade, dois exemplos são as feiras promovidas pelo grupo Colmeia e as capacitações em marketplace pela Escola da Startup de Maricá, realizadas pela Codemar em parceria com a Universidade Federal Fluminense. “ Muitas mulheres procuram empreender para sair de situações de violência e de um relacionamento abusivo. A gente também entende que trabalhar é uma ferramenta socioemocional para que as mulheres possam lidar com essas situações”, completou.

Programas

Notícias

Estande da Codemar atrai público interessado em Economia Criativa, Sustentabilidade e outros assuntos, no...

Além dos painéis, óculos de realidade virtual com projetos da companhia e Programa Lagoa Viva chamaram a atenção de quem visitou o evento   Painéis...

Painéis sobre Fundo de Investimento Imobiliário e o impacto econômico da cadeia solidária atraem...

Projeto Lagoa Viva também mostra evolução na revitalização das lagoas e canais da cidade com participação de seus pesquisadores Novas oportunidades para investidores em Maricá...

Com painéis e lançamento, estande da Codemar agita Expo Maricá

Confira a programação dos painéis até sábado A Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar) é uma das parceiras e está apresentando projetos e iniciativas na...