Combate ao assédio é tema de palestra na Codemar

Ação faz parte da Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho

O segundo dia da Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho (Sipat) da Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar) abordou o tema “assédio”. A ação faz parte da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e Assédio (CIPA).

“O termo ‘assédio’ entrou para a sigla da CIPA recentemente e mostra a importância que o tema vem tendo. Às vezes, o assédio é tão velado que a vítima nem percebe que está sofrendo”, disse o técnico de Segurança do Trabalho e advogado Fábio Miranda, do West Group, que ministrou a palestra durante a manhã.

Fábio Miranda ministrou palestra sobre assédio a funcionários da Codemar. Foto: Paulo Ávila

Segundo Miranda, existem algumas estratégias para evitar o assédio e a primeira delas é “agir com bom senso, racionalidade e se colocar sempre no lugar do outro”.

Linha tênue

Muito se fala sobre assédio moral. Para identificá-lo, é preciso reconhecer situações repetitivas, constantes, que afetem a saúde mental e física.

“Discutir e xingar um colega de trabalho pode até configurar um crime, mas não assédio, já que é uma coisa pontual”, explicou.

Exigir metas dos funcionários não é assédio, mas passaria a ser se a meta for irreal e direcionada a apenas uma pessoa, por exemplo. O uso de câmeras também não é assédio, desde que não sejam instaladas em ambientes como banheiros e vestiários.

A colaboradora Katia Pereira achou a palestra de suma importância. Foto: Paulo Ávila

O que fazer

O funcionário que estiver sofrendo assédio precisa reunir provas. A primeira delas é anotar datas e horários onde as situações acontecem. Isso é importante, segundo Miranda, para provar a característica de reincidência do assédio. Reunir testemunhas também é boa estratégia.

Combate

“O combate ao assédio passa pela informação. É isso que a Codemar está fazendo, mostrando o que é o assédio e oferecendo canais para denúncia”, disse Miranda: “Isso mostra a seriedade da empresa”.

A palestra foi muito bem recebida pela plateia.

“A gente sofre muitos preconceitos na vida. Não tem espaço para assédio dentro do trabalho. É preciso respeitar limites”, avaliou Katia Pereira, funcionária do arquivo da Codemar.

Outras atividades

Durante a tarde, foi oferecida sessão de massagem aos colaboradores. Foto: Paulo Ávila

Durante a tarde, foi oferecida massagem aos colaboradores da Codemar. A SIPAT segue na quarta-feira (18/10) com palestra “Segurança de voo com a empresa SERIPA III”, às 9h. No período da tarde, às 14h, ação com psicólogo e nutricionista.

Programas

Notícias

Copa Brasil de Handebol de Praia na Barra de Maricá vai até domingo

Abertura e primeiras disputas juvenis movimentaram a arena nesta quinta-feira Começou nesta quinta-feira (07/12) a Copa Brasil de Handebol de Praia, disputada na arena montada...

Abertas as inscrições para a eleição da CIPA 2024

Colaboradores da Codemar interessados deverão procurar o setor de Recursos Humanos até o dia 15/12 A Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar) iniciou o processo...

Projeto Lagoa Viva participa do Espraiado de Portas Abertas neste domingo (10)

Cientistas mostrarão aos visitantes os animais que vivem no fundo da lagoa e distribuirão cartilhas O Programa Lagoa Viva vai participar do último Espraiado de...