MumbuCar leva fundador de moeda social ao Rio Innovation Week

Políticas públicas sociais e inovadoras de Maricá ganham destaque no último dia da feira

O MumbuCar esteve presente no último dia do Rio Innovation Week, nesta sexta-feira (6), em grande estilo. Joaquim Melo, criador da primeira moeda social do Brasil, chegou ao evento, no Píer Mauá, pelo aplicativo.

Ele participou do painel “Transformação Digital”, no espaço “Clean Up The World”, que também teve a presença de outros convidados e da Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar).

“Foi uma alegria grande ter participado do painel, mas a felicidade maior foi ter chegado aqui de MumbuCar, um aplicativo na cidade de Maricá. Vim com o Diego, motorista de táxi que não paga nenhuma taxa ao utilizar o app”, comemorou Joaquim Melo.

Foto: Leonardo Fonseca

Melo, que também é diretor institucional do E-dinheiro Brasil e fundador do Banco Palmas – instituições que trabalham e viabilizam moedas sociais –  acrescentou que a economia de Maricá valoriza os trabalhadores da cidade.

“O piloto dessa engrenagem é juntar a tecnologia da moeda social com a tecnologia do aplicativo do celular, fazendo um grande ecossistema de comunidades, de negócios, de renda, de prazer e felicidade humana. Então de conta esse nosso maior desejo de vida da humanidade”, finalizou.

Transformação

Abrindo o painel, o superintendente de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação da Codemar., Danilo Pitarello, disse que a moeda social Mumbuca representa “uma transformação social, mas também pode ser um instrumento de transformação ecológica e de transformação, na direção de ter uma economia local mais sustentável, mais responsável, social e mentalmente”.

Foto: Leonardo Fonseca

Pitarello ressaltou que aplicativos como MumbuCar e o Mumbuca Shopping, que aceitam pagamento com a moeda social de Maricá “fomentam  ainda mais a circulação da moeda localmente, além de possibilitar adoção de políticas públicas direcionando o uso da moeda para produtos produzidos em nossa cidade.”

Moedas sociais digitais em debate

O vice-prefeito de Maricá, Diego Zeidan explicou que a Mumbuca tem ajudado Maricá a construir uma nova economia de aplicativos, uma economia verde com elementos de transformação digital, elementos de sustentabilidade na cidade.

Foto: Leonardo Fonseca

“Aqui no painel, falamos sobre o começo do Mumbuca e como aconteceu a expansão da moeda social para outros setores da cidade. Estamos mostrando Maricá como um exemplo para o Brasil e para o mundo”, resumiu Diego.

A presidente do Banco Mumbuca, Manuela Mello, explicou que a Mumbuca nasceu com o propósito de ser uma tecnologia para transformar a vida das pessoas na cidade de Maricá.

“É sempre muito bom a gente ocupar esses espaços tendo a oportunidade de poder mostrar toda a grandeza que a gente faz na nossa cidade. Em Maricá, a gente pensa em transformação, em inovação, a gente pensa em tecnologia”, refletiu Mello.

Foto: Leonardo Fonseca

Também participou do painel Roberto Pedreira, analista de Produtividade e Inovação da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial.

Programas

Notícias

Núcleo de Iniciação de Handebol de Praia é um dos sucessos da Arena da...

Espaço conta com treinamentos e aulas para crianças e jovens, que aproveitam as férias escolares para frequentar ainda mais O handebol de praia foi um...

Codemar apresenta projetos e troca informações sobre cooperativismo com instituição espanhola

Companhia pode aplicar conhecimentos da Fundação Mundukide na melhoria das formas de coletivização do trabalho em Maricá A Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar) recebeu...

Dia de campo com workshop e tomates especiais na Fazenda Joaquín Piñero

Encontro teve participação do chef italiano Bruno Marasco ensinando receita tradicional da Itália Setenta pessoas participaram do Dia de Campo e Degustação de Pratos com...