Ônibus a hidrogênio de Maricá é exibido em encontro internacional em Copacabana

Cidade marca presença em de Congresso Anual para América Latina e Caribe

O município de Maricá foi um dos participantes do debate sobre o potencial de recursos de energia renovável na América Latina, nesta terça-feira (13), no 3º Congresso Anual de Hidrogênio para a América Latina e o Caribe (H2LAC), em Copacabana, no Rio de Janeiro.

O projeto de ônibus híbrido Vermelhinho Sustentável, desenvolvido em parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (COPPE/UFRJ), está em exibição na porta do hotel e foi visitado pelo secretário de Planejamento e Transição Energética do Ministério de Minas e Energia, Thiago Barral, e também pelo governador do Estado do Ceará, Elmano de Freitas.

A Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar) participa dos três dias de evento sendo representada pelo diretor de Industria e Energia, Pedro Di Filippo, que atua no desenvolvimento do ônibus com a secretaria municipal de Desenvolvimento Econômico, comandada pelo secretário Igor Sardinha.

O governador do Ceará parabenizou a iniciativa em torno do ônibus e contou que está realizando entendimentos com empresas que querem investir na produção de hidrogênio.

“Estamos muito animados em ajudar o planeta neste processo de descarbonização. Quero parabenizar a prefeitura de Maricá por atuar no desenvolvimento de um produto importante”, afirmou Elmano. Ele acrescentou que o grande desafio do hidrogênio é consolidar mercado e permitir nova matriz energética para a reindustrialização do país e para a geração de empregos.

Frota de ônibus descarbonizada até 2038

Pedro Di Filippo afirmou que “quando participamos de congressos como este, temos a oportunidade de consolidar o papel de Maricá no processo de investimento em cadeias produtivas para descarbonização produzindo e consumindo energia com baixo carbono”.

Para o secretário Igor Sardinha, Maricá sai na frente com a meta de descarbonizar a frota de Vermelhinhos até 2038: “Ter o protótipo do nosso ônibus aqui no evento é fundamental porque uma das grandes discussões que regem esses fóruns é como você gerar demanda por hidrogênio dentro dessa discussão de uma indústria nascente na qual Maricá é pioneira, protagonista neste sentido no Brasil”.

Segundo ele, é fundamental trazer a necessidade de investir em ciência, tecnologia e desenvolvimento de uma indústria nacional de produtos como o ônibus a hidrogênio. “É por meio dele que vamos descarbonizar a frota e contribuir para que o projeto seja desenvolvido também em outras cidades”, conta o secretário.

Programas

Notícias

Após treinos em Maricá, Brasil vence Sul-Centro e conquista vaga no Mundial

A seleção brasileira de handebol de praia conquistou o título com os times masculino e feminino do Sul-Centro Americano, no Paraguai, neste sábado. A...

Estande da Codemar atrai público interessado em Economia Criativa, Sustentabilidade e outros assuntos, no...

Além dos painéis, óculos de realidade virtual com projetos da companhia e Programa Lagoa Viva chamaram a atenção de quem visitou o evento   Painéis...

Painéis sobre Fundo de Investimento Imobiliário e o impacto econômico da cadeia solidária atraem...

Projeto Lagoa Viva também mostra evolução na revitalização das lagoas e canais da cidade com participação de seus pesquisadores Novas oportunidades para investidores em Maricá...