Mumbuca Verde é resposta para empresas dispostas a investir em boas práticas

Pesquisa do Sebrae mostra que um terço das MPEs já sentiu ‘pressão’ para incorporar responsabilidade ambiental, social e gerencial à sua rotina

Um movimento novo entre as micro e pequenas empresas está chamando a atenção: a chegada até estas, que são a base da economia, da pressão por práticas ESG (responsabilidade ambiental, social e gerencial). Pesquisa recente do Sebrae aponta que um terço dessas empresas já se sentiu “pressionada ou cobrada para incorporar práticas ESG à sua gestão”. A boa notícia é que responder a isso está cada vez mais fácil com ferramentas como a Plataforma Mumbuca Verde, levada ao mercado numa parceria entre a Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar) e a govtech Tesouro Verde. Nela, pessoas jurídicas e físicas podem rapidamente compensar sua pegada ambiental.

Paulo Neto é diretor de Sustentabilidade da Codemar. Foto: Paulo Ávila

De acordo com o Sebrae, a pesquisa “O Engajamento dos Pequenos Negócios Brasileiros às práticas ESG” foi realizada para entender como pequenos negócios estão buscando as práticas ESG para garantir sobrevivência num mercado cada vez mais exigente.

“A pesquisa mostra que mais de 70% das pessoas querem produtos que respeitem o meio ambiente. As empresas que estão implementando essas práticas de ESG já sofreram essa pressão. E a Mumbuca Verde, como produto que é, sai na frente. A Codemar e Maricá saem na frente”, avalia Paulo Neto, diretor de Sustentabilidade da Codemar.

A Mumbuca Verde

Mumbuca Verde é uma plataforma onde pessoas e empresas de qualquer porte podem calcular e compensar os impactos ambientais que causam. O usuário insere todas as informações sobre o consumo de combustíveis, água, eletricidade e outros parâmetros referentes a 12 meses. O cálculo das emissões é feito, e o valor para pagamento processado. Tudo pode ser resolvido on-line, acessando o site https://www.plataformatesouroverde.com.br/#/partners/MV .

Pâmela Pádua durante o lançamento da Mumbuca Verde na Rio Innovation Week 2023. Foto: Paulo Ávila

“A demanda é da sociedade, dos consumidores. É o que a pesquisa mostra. E a Mumbuca Verde é a resposta perfeita trazendo a facilidade de certificação com auditoria padrão e em sintonia com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU”, disse Pâmela Pádua, diretora da govtech Tesouro Verde, parceira da Codemar na Mumbuca Verde.

Pâmela Pádua no lançamento da Mumbuca Verde na Rio Innovation Week 2023. Foto: Paulo Ávila

Pressão e benefícios

Toda a cadeia produtiva, aos poucos, está passando a valorizar e dar preferência ao fechamento de negócios entre empresas que tenham responsabilidade social e ambiental na sua base. Ter um selo verde comprovando uma postura sustentável, hoje, significa até pagar menos quando o assunto é financiamento, com juros mais baixos.

Uma das áreas que dão lastro à Mumbuca Verde. Foto: Divulgação

A pesquisa

O Sebrae buscou conhecer o engajamento dos pequenos negócios na agenda ESG através da preocupação e práticas adotadas por iniciativas ambientais, sociais e de governança, além da consideração de outras características comuns ao tema”.

O resultado mostra que, das empresas pesquisadas, um terço já sentiu pressão por incorporar o ESG à sua rotina, sendo 30% no aspecto de meio ambiente, 29% em ações de cunho social e 36% em gestão.

É majoritário o percentual das empresas que declararam já adotar as práticas ESG (75% ambiental; 56% social; e 87% gerencial). Dentre todas as respondentes, 91% consideram “Muito importante” ou “Importante” a preocupação com incluir aspectos ambientais na gestão. Em relação a aspectos sociais esse percentual é de 81%; e a aspectos de governança, 87%.

A redução do consumo de água corresponde a 69% dos esforços ambientais. Ação que se reflete imediatamente nos gastos. Essas ações ficam bem à frente dos esforços para reduzir as emissões de gases poluentes e de efeito estufa.

A pesquisa na íntegra pode ser acessada no site do Sebrae, em https://cms.mt.sebrae.com.br/storage/sites/e50b7e84-deb0-483b-823b-eacbbeaa586a/document//7293ec9b-4014-46f7-8e52-3e641628337a.pdf .

Programas

Notícias

Fazenda Joaquin Piñero vira ponto turístico agroecológico

Pomar do projeto Inova recebe visitantes O pomar agroecológico do projeto Inova recebeu na manhã deste sábado (24) dezenas de visitantes que foram ao local...

Visita guiada na Fazenda Pública terá transporte com Vermelhinhos

Evento agroecológico será realizado pelo Inova Agroecologia neste sábado (24) Com o intuito de facilitar o acesso à Fazenda Pública Joaquín Piñero, no Espraiado, neste...

Domingo tem competição de pesca amadora com barco em Maricá

Cerca de 300 pescadores se inscreveram e vão disputar o troféu do Caiaque Fishing em Itaipuaçu O final de semana está chegando e quem estiver...